quinta-feira, 11 de agosto de 2016

Ceagesp ajuda a turbinar você durante os Jogos Olímpicos


Central de abastecimento faz comparação que servem de lembrete para uma boa alimentação.


Nessa última sexta-feira (5/8) aconteceu a abertura oficial dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro 2016. É a primeira vez que as Olimpíadas ocorrem na América Latina, e o fato de o Brasil ter sido escolhido para receber atletas do mundo todo enche-nos de muito orgulho.

Um dos maiores objetivos das Olimpíadas é passar a mensagem de confraternização entre os povos do mundo, e não é à toa que o seu maior símbolo estão entrelaçados, representando a união de todas as nações.

Os jogos olímpicos também servem para incentivar a prática de esporte, que de forma direta ou indireta, envolve uma vida mais saudável, e isso inclui a adoção de uma alimentação balanceada, em que frutas, verduras e legumes devem estar presentes nas refeições. Por isso, queremos aproveitar justamente as cores dos anéis olímpicos para montar um prato saudável e completo.

  • O anel azul, que simboliza os países europeus, pode nos lembrar da importância de se ingerir líquidos – pelo menos dois litros por dia – para manter o organismo e seus órgãos internos, como o coração, fígado e rins, funcionando plenamente.

  • O anel preto – símbolo dos continente africano – pode nos incentivar a comer vegetais de casca escura, como a ameixa ou a berinjela, que são ricos em polifenois, compostos bioativos com propriedades anticâncer, anti-inflamatórias e antioxidantes.

  • O anel vermelho – representante do continente americano – nos lembra os produtos com casca em tons de vermelho, como o tomate, pimentão, melancia e goiaba, que nos fornecem o licopeno, um carotenóide antioxidante que, quando absorvido pelo organismo, ajuda a impedir e reparar os danos às células causados pelos radicais livres.

  • O anel amarelo – símbolo dos países asiáticos – pode fazer referência aos legumes que nos fornecem carboidratos – muito importantes para dar energia ao bom funcionamento do nosso corpo. Entre eles podemos citar a batata, a batata doce, mandioquinha e a abóbora. Os frutos amarelos, como a banana, também entram na lista.

  • O anel verde, representando a Oceania – traz a ideia do consumo de folhas, como alface, repolho, acelga, entre outras, que além de serem ricas em água, que hidrata o organismo, possuem muitas fibras que auxiliam o bom funcionamento do aparelho digestivo, além de vitaminas e sais minerais.

Se inspire nos anéis olímpicos e venha aproveitar as ofertas no varejão e no atacado da Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (CEAGESP) para montar o seu prato. Com isso em mente, fica mais fácil entrar no clima das Olimpíadas. Bom apetite!

Nenhum comentário:

Postar um comentário